Jornada dupla?? ahhh… quem me dera!

Acordei cedo hoje, mais cedo do que o normal, para tentar não perder a hora. Deu certo. 🙂

1º parte da jornada de trabalho:


Acordando às 06:30 eu consegui lavar a louça, colocar a roupa vomitada suja do Thiago para lavar, dei um jeito na sala e no quarto dele (o meu continua uma zona) e arrumei ele para irmos para a creche. Tudo correu bem! Cheguei no trabalho na hora certinha e tive um dia proveitoso, porém na hora de ir embora, o meu chefe acabou pedindo pra eu ficar mais um pouco para que a gente conseguisse terminar uma tarefa que estava pendente, e como ele é gente boa pacas comigo, eu resolvi quebrar o galho.

2º parte da jornada de trabalho:

O problema que isso me causou foi o trânsito que eu peguei na volta para casa. Pra quem não sabe, eu nem tiro hora de almoço direito para poder sair cedo e não pegar engarrafamento na volta pra casa. Evito diariamente, mas hoje, não teve como. Quando eu cheguei em casa encontrei um Thiago com saudades, com fome e com sono. Eram 19:00. Brincamos um pouco, ele tomou a sopa e comeu o Danoninho, e logo depois foi dormir. Aí é que começou a minha

3º parte da jornada de trabalho:

Thiago dormindo, começa a parte “cozinha” do dia: Lavei a louça, coloquei roupa pra lavar e comecei a preparar a comida pro resto da semana: feijão, arroz, purê de batata, legumes cozidos e carne moída. E ainda fazer a janta de hoje: panquecas. E agora me lembrei que tinha que passar roupa, mas ficou pra amanhã, já que são quase 23:00 e eu ainda nem temperei o feijão.

E o baby ainda está com otite o que faz ele acordar diversas vezes por noite, por causa da dor e do desconforto…

Não me entendam mal, eu sei que milhões de mães, esposas, mulheres fazem isso diariamente, mas eu não sei de onde elas tiram força pra isso tudo. Eu estou exausta. Acho que todos nós deveríamos levantar do computador e dar um beijo de agradecimento na mãe ou pelo menos dar um telefonema agradecendo todo o trabalho que ela teve conosco, quando a gente era pirralho…. com certeza ela merece. 😉

Agora eu vou nessa, afinal ainda falta temperar o feijão, tomar um banho e desmaiar solenemente na minha cama ;P

Até amanhã!