E o Renato, lá… lalalalalá, lalalá laralaralá …

Enfim, tomei vergonha na cara e comecei os exercícios.

Quinta-feira o Renato veio aqui, me mediu, me pesou e me colocou pra malhar.
È ótimo ter um professor assim, dedicado pra mim. Adorei.

Espero que o dinheiro dure até o final do tratamento. :)))

Fita-metricaEssa maldita aí de cima vai servir pra determinar as minhas vitórias. Quanto mais eu malhar, melhor o resultado vai ser. Torçam por mim, afinal eu não nasci pra correr numa esteira :))

Planos?

A meia-maratona do RJ, mesmo que seja andando :)))

Olá!

É bom estar de volta. Ao blog e na minha casa. Viajei nesse final de semana, mas vou falar nisso mais tarde.

** Dia 26/06 eu fui na Thelma, e ela me passou a dieta que eu devo me manter e me pesou. Primeiro, fiquei muito satisfeita em ver a variedade de alimentos. Uma coisa que mata qualquer dieta é a mesmice. Daí pensei muito nisso e resolvi mudar meus hábitos também. Provar coisas novas, estabelecer um novo paladar. E não é que me surpreendi? Veja bem, eu passei os últimos 36 anos da minha vida recusando Polenguinho, porque achava meio nojentão. Mas provei e virei fã incondicional do lanchinho:

polenguinhoTá na hora do lanche e eu to atrasada na rua, polenguinho rlz! E  o mesmo tem acontecido com saladas, adoçante e comida com pouca gordura.

Fico muito feliz com o caminho que as coisas tem tomado. Estou cada dia mais magra, mais feliz e com mais saúde.

Vale a pena. Realmente vale a pena!