Bom, ontem a noite eu fui ver “Mestre dos Mares: O Lado mais distante do Mundo” (Master and Commander: The far side of the world) e confesso que preferia ter ficado em casa.

Imagens lindas, coisa de filme grandioso, mas realmente bem tedioso. O livro deve ser muuuuito melhor!

Bom surpresa no filme? O Paul Bettany … o cara trabalha bem, sabe? Já é o terceiro filme que eu vejo, nem gosto muito, e tiro do filme a atuação dele como a única coisa que valeu a pena ter ido ao cinema…