Eu ontem fui ao cinema.

Na verdade eu fui encontrar com a Cris pra falar de negócios do site, mas ela não pode ir e como eu tinha aproveitado pra ver o Joao, eu fiquei conversando com ele pra fazer hora, porque ele ia ao cinema com o Alfredo. Mas daí o Alfredo também não pode ir, desmarcou e eu fui ao cinema.

Gastei 110 pontos no Smart Club pra ver um filme que não me deixa nada esperta (hihiihih, excelente trocadilho! :P)

Fui ver a tal comédia romântica com a Sandra Bullock e com o Hugh Grant. Confesso que eu não vou muito com a cara de nenhum dos dois, mas até que eu me diverti. Lembrando a todos que eu gosto de comédias românticas, então nem é muito difícil me agradar nesse ponto, basta seguir a receita de bolo, que eu fico feliz! 🙂

Agora estou aqui, pensando no que fazer.

Se escuto música, se jogo um pouco no computador, se jogo um pouco no celular, se vejo televisão ou se compro uma bicicleta … ops .. essa eu já comprei ano passado! Deve estar já enferrujada! 😛

Como eu tinha dito em algum post que eu apaguei porque não foi bem interpretado (e acredito de uma maneira geral e não só por uma pessoa’) é que eu preciso arrumar coisas que me ajudem a fazer o meu tempo passar, e que não seja trabalho e que não seja ele … dependência nunca é boa. Acaba gerando obrigação e não é bem isso que eu esperaria de um relacionamento. E acredito que nem ele.

Tem horas que simplesmente eu queria sumir num buraquinho pequenininho no canto da sala e só aparecer quando eu soubesse conviver bem comigo mesma. Esse na verdade é o grande problema hoje em dia. Acho que nunca convivi tanto comigo mesma do que agora, que trabalho em casa.

Daí de um dia péssimo, com péssimas notícias, furos, bolos, de repente minha noite ficou boa pela companhia. E de uma hora pra outra ficou ruim de novo. E por culpa minha. All my fault again.

Fiquei o dia inteiro com vontade de ligar, de falar, de tentar me explicar melhor, mas nem sei é uma boa.

Sei lá, se eu fosse ele nem iria querer pensar em mim hoje … e nem por um bom tempo, sei lá.

Dai não resisti, mandei um email, só checando, só pra ver se estava tudo como antes ..

E cada hora que o meu computador avisa que chegou email, eu pulo de alegria, chego lá e não é o reply que eu estava esperando.

Agora o telefone tocou, meu coração disparou.

Mas era a Priw pedindo pra eu ligar pra mãe dela.

Volto pra minha pequena angústia de esperar uma resposta, ou dele aparecer no ICQ.

Mas vou me distrair, acho que vou escutar música, a trilha do dia hoje foi: Paul McCartney – Back in U.S. – live 2002.

Pra quem gosta do Paul e dos “Os” The Beatles é show! Aliás, show mesmo, porque é ao vivo!

hehehehe! 😛